Últimos assuntos
» Novo Layout - O Dragão e A Modernidade: Fim de uma fase
Sab Jan 05, 2013 3:49 pm por Hinanii

» Passando para cumprimentar
Sab Nov 10, 2012 11:59 pm por White

» Bravely Default Praying Brage (PC Online)
Qui Nov 01, 2012 12:53 pm por Hidekee

» Magi - The Labyrinth of Magic
Seg Out 08, 2012 3:29 pm por Kiyamet

» Minha UTAU já saiiiu!
Ter Set 25, 2012 1:42 pm por Hidekee

» Bravely Default: Flying Fairy para 3DS
Ter Set 25, 2012 1:37 pm por Hidekee

» Novo Layout - Dragão Jogador!
Sab Set 01, 2012 10:12 pm por kurolady

» Tema que desejaria jogar
Qui Ago 30, 2012 3:52 am por LoliHime

» Retorno aos Lendas
Dom Ago 26, 2012 8:30 am por White

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 45 em Ter Jul 31, 2012 9:32 am
Divulgue-nos
Lendas Infinitas



Lendas Infinitas



Créditos
Tema e layout:
Administração

Imagem original
usada em logo:

yuushoku

Imagens originais usadas nos botões do fórum:
Sumi Keiichi

Emoticons:
Kalahan Pack by Zeitz
Y o l k s - 2 Pack by bad-blood
Very Emotional Pack by LazyCrazy
The Blacy Pack by Rockey

02 - As Organizações.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

02 - As Organizações.

Mensagem  Keitava em Dom Abr 05, 2009 1:15 am

Atualmente, existem quatro organizações expressivas atuando na sociedade, sendo elas, as seguintes:

- Máfia Italiana:
Conhecida também como La Famiglia, a máfia italiana é a mais influente no cenário do jogo. Possui ramos em todos os segmentos da sociedade, e diz-se também que possui espiões em cada uma das outras organizações. Admite em suas dependências somente membros de nacionalidade européia. Italianos, sem restrições. Quanto aos outros, somente por recomendação. São treinados para a lábia e um humor refinado, capazes de se dar bem com quaisquer pessoas de qualquer ramo social. Também são especializados no uso de armas de fogo de pequeno porte e armas brancas, também de pequeno porte.
A base da máfia italiana é exatamente a de uma família. Dentro dela, todos são irmãos, e mesmo que exista uma relação hierárquica entre os membros, quando não estão tratando de negócios, são todos iguais. Seus objetivos são sempre focados no grupo, no bem de toda a Famiglia, e nas vantagens de todos, por mais que alguns tenham mais acesso a essas vantagens do que outros. A relação hierárquica é encarada com respeito por seus membros, e não existem problemas com a administração da máfia – aqueles que integram são bem cientes da forma como as coisas funcionam por dentro dela.

- Máfia Japonesa:
Também conhecida como Yakuza, ela é semelhante a máfia Italiana, mas extremista em alguns pontos. Não aceita membros que não sejam Japoneses. SOMENTE japoneses, nenhum outro tipo de oriental ou outra nacionalidade qualquer, é aceito. Sua influência é reduzida, mas seu poder é muito respeitado perante as outras organizações e perante a própria aristocracia. A máfia japonesa oferece proteção à todos aqueles que estiverem dispostos a pagar por ela, e o preço geralmente não é baixo, mas apenas condiz com a segurança que ela é capaz de oferecer. Seus membros são treinados com maestria no combate com armas brancas de todos os tipos, e em geral são proibidos de usar armas de fogo – o corpo é tão disciplinado que armas de fogo são desnecessárias, de fato.
Em geral, seus membros são bastante sérios, sendo raras as exceções de pessoas de bom humor, ou sociáveis. As relações hierárquicas na Yakuza são rígidas e estritas, membros de ‘baixo nível’ devem todo o tipo de respeito aos mais altos, e por vezes sofrem punições ou passam por provações em sua escalada na organização. Dentro da Yakuza não existem brigas. NÃO EXISTEM. Membros insolentes são eliminados sem que deixem pistas. Dentro da Yakuza, ou as coisas funcionam, ou elas funcionam, não existe a falha ou o erro. A Yakuza age pelos objetivos do seu líder. Se forem bons objetivos, ela será boa, se forem malignos, ela será maligna. Não existem questionamentos sobre isso.

- Sindicato dos Ladrões:
Exatamente como o nome diz. Um Sindicato criado pelos ladrões, para os ladrões. É a mais ‘baixa’ de todas as organizações, cujo único e principal objetivo é um só: Roubar.
Não tem tentáculos pela sociedade, é composta apenas de ladrões, com uma precária relação hierárquica, onde apenas um líder dos ladrões é reconhecido pelos outros. Entre eles, existe uma rivalidade amigável, e mesmo assim, trapaças e roubos dentro da própria organização são freqüentes e encarados como um pouco de diversão. Os ladrões são como se fossem um, se os bens estão com eles, tudo está bem, se roubam deles e levam para fora do sindicato... A situação muda. Para eles, ladrão que rouba ladrão tem, de fato, cem anos de perdão. Um ladrão roubado por alguém de fora, porém, sempre terá o auxílio necessário para recuperar o que perdeu.
Não são treinados, são apenas pessoas que utilizam todos os meios que conhecem para conseguir o que querem. Os ladrões se valem de suas habilidades naturais, e daquilo que aprendem nas ruas, ou com outras pessoas. São, por outro lado, a organização com o maior contingente em atividade. Quase todo ladrão que existe associa-se a esse sindicato, afinal, a grande maioria não tem nada a perder, e também... Desconhece os segredos e objetivos por trás da fachada da organização.

- Daily News:
Uma organização misteriosa e suspeita. A única informação definitiva e concreta que se tem sobre eles é que... Sabem de tudo. Absoluta e simplesmente tudo. Sua principal atividade é realizada descaradamente, e graças a necessidade, nenhuma das outras organização ousa agir seriamente contra eles. A Daily News manipula, vende e troca todo o tipo de informação.
Composta por pessoas dos mais variados ramos da sociedade, a Daily é conhecida por ser a maior fonte de informação disponível. As lojas onde seus jornais – cuidadosamente elaborados de acordo com as vontades e desejos da aristocracia – são vendidos são também quartéis-generais, onde com a devida quantidade monetária, ou informação de troca, você pode adquirir qualquer informação que precisar. Os informantes fazem questão de alertar, porém: “A responsabilidade sobre a informação que adquire, é apenas do adquirente.” Muitos acabam mortos ao ter o simples acesso a determinadas informações.
Os informantes e os que adquirem informações são treinados, principalmente, nas relações sociais. Todos também aprendem a manejar armas de fogo, pois, muitas vezes, são elas que vão garantir sua sobrevivência. Ainda assim, dificilmente informantes são assassinados. Sua existência é crucial para todas as outras organizações, tanto quando querem agir contra a aristocracia, quanto quando querem agir contra outras organizações, ou contra espiões. A Daily News protege apenas os seus membros, nenhum outro é poupado de sua distribuição de informações. E da mesma forma... Seus reais objetivos e intenções são desconhecidos.

Keitava
Herói
Herói

Masculino
Mensagens : 381
Localização : Hell Grande


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02 - As Organizações.

Mensagem  Keitava em Dom Abr 05, 2009 1:19 am

Organizações e suas relações:

Relações entre as Organizações:

Dentro do jogo, existem quatro organizações, e entre essas organizações, as relações são bastante respeitosas, em geral. Existem regras e exceções para cada caso e para cada relação, mas de forma simples, elas são da seguinte forma.

La Famiglia, a organização que detem, publicamente, maior poder e domínio sobre a cidade, é uma organização bastante liberal. Ela encara as atividades das outras como se fossem uma rivalidade amigável, e não se intimida com facilidade. Suas relações com a aristocracia são boas e ruins. Como todas as organizações, trabalham contra e à favor da aristocracia, dependendo apenas de quem, dentro dela, requisita seus serviços. Os grandes figurões de La Famiglia são conhecidos e assumem uma posição amigável com os membros da alta sociedade, por mais que seja muito discreta. Enquanto isso, os membros de baixo nível da família trabalham executando os serviços contra eles.
Quanto as outras organizações, La Famiglia geralmente se opõe aos serviços realizados pela Yakuza. De certa forma, é como uma coincidência, mas acabam sempre em pólos opostos da relação, ou disputando um mesmo objetivo. Para ela, é como se fossem rivais, e ainda assim, mantém relações razoáveis juntos.
Quanto ao Sindicato dos Ladrões, por mais que os objetivos deles sirvam, muitas vezes ao d’A Famiglia, por vezes causam problemas e tumultos desnecessários. A relação entre eles é um pouco nebulosa, mas existem boatos de que trabalham juntos sob determinadas circunstâncias.
Por fim, as relações de La Famiglia são muito boas com a Daily News. Os informantes de lá são muito prezados pela Famiglia, e muito utilizados, são serviços muito úteis, no final das contas, não importando o ponto de vista pelo qual é observado. Para o líder da organização, dinheiro e alguma informação é um pequeno preço a se pagar por outras de muito mais valor. Como ele mesmo acredita... É um comércio justo.

Yakuza, por outro lado, é uma organização de poucas relações com as outras. Seus trabalhos são individuais e evitam contatos, agentes da Yakuza, por vezes, assassinaram agentes das outras organizações sem medo algum, e isso enevoou as relações entre elas. Além do mais, a própria Yakuza evita contato na maior parte do tempo.
Eles encaram La Famiglia com frieza, mas reconhecem com honra o poder que ela detêm, e por isso, evitam agir sem parcimônia contra eles. Com freqüência ocorrem punições para membros que cometem excessos em missões. Contra eles, apenas o necessário, sem excessos, se as situações não os pedirem expressamente. Por vezes, a Yakuza ainda força negociações com eles.
Quanto ao Sindicato dos Ladrões, são vistos como escória. Pura e simples escória. Por mais que tenham seu código interno, entre eles não respeito, e da mesma forma, eles não respeitam ninguém. Quando envolvidos com a Yakuza, as situações acabam com Ladrões mortos. O grande número de ladrões contra o pequeno número de Yakuzas cria uma idéia de incapacidade do Sindicato. As relações entre eles são bastante tensas.

Quando ao Sindicato dos Ladrões, são bastante negligentes com suas relações perante as outras organizações. Não se importam de agir à favor ou contra a Yakuza ou La Famiglia, seus membros, diferentes destas duas, agem individualmente, e não com um grupo. O Sindicato somente se une em grupos quando há um objetivo geral em jogo, e quando existem questões de honra dos ladrões. Ademais, cada um age como bem entender, respeitado o código de conduta entre os ladrões.
A única ressalva perante a relação com os ladrões, é a organização Daily News. Devido ao caráter da organização, de buscar e prover informações, ladrões e arruaceiros são, frequentemente, fontes preciosíssimas de informações, e graças a isso, a Daily News mantém boas relações com o Sindicato, boas relações essas que são correspondidas apenas pelo dinheiro que um ladrão recebe ao transmitir uma informação boa e ‘quente’.

Por fim, a Daily News, a única organização que mantém – e faz questão de permanecer assim – boas relações, ou, no mínimo algo como ‘aturar’ com todas as outras organizações, e, inclusive, com a aristocracia. Sua natureza de prover, comprar e manipular informação faz da própria organização algo cujo objetivo é infiltrar-se inocentemente nos diversos ramos da sociedade. Compram informações de todos os tipos, e as adquirem sem ônus nenhum sob determinadas circunstâncias. Ao vendê-las, as vendem para quem quiser direitos sobre elas, e por comprar uma informação, às vezes por preços muito altos, uma pessoa dificilmente irá dispô-la facilmente. Isso cria, para a Daily News, uma ordem econômica e social perfeita, um ambiente sempre ótimo para suas atuações.
A máfia italiana utiliza largamente seus serviços, na busca de informações sobre seus inimigos e sobre traidores e espiões. Mesmo que saibam que dentro da própria máfia, existem espiões da Daily News, a necessidade da organização de informações é muito maior do que o prejuízo da traição.
A Yakuza não vende informações para a Daily News, devido a lealdade altíssima e escolha de membros pela qual passa, mas ainda assim, aproveita-se de informações fornecidas com parcimônia, resguardando sua auto-suficiência, e ainda assim tirando proveito daquilo. De qualquer forma, informações sobre a Yakuza CHEGAM a Daily News, por maneiras bastante... Desconhecidas.
Por fim, o Sindicato dos Ladrões, os grandes informantes. É incrível como pelas ruas circulam informações muito preciosas, e depois de algum tempo lidando com isso, os próprios ladrões aprenderam a não falar por aí, mas sim vender suas informações. Mesmo que a própria organização possua sua própria equipe extremamente competente de informantes, uma rede extensa como a de todos os trombadinhas da cidade contribui e MUITO para sua coletânea. Inclusive, para evitar informações falsas, a Daily News compra muitas apenas para que seja possível cruzá-las e confirmar o que é fato, e o que é ficção. Eles possuem uma rede de pessoas altamente qualificadas para cruzar e determinar as informações que podem ser fornecidas, afinal de contas.

Keitava
Herói
Herói

Masculino
Mensagens : 381
Localização : Hell Grande


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02 - As Organizações.

Mensagem  Keitava em Dom Abr 05, 2009 1:21 am

As Organizações e a Aristocracia:

Naturalmente, existem relações entre os Aristocratas, aqueles que, dentro do jogo, detêm a grande parcela do poder monetário E social do mundo. Responsáveis pelo funcionamento das fábricas de veículos, armas e jóias, sem eles, o próprio submundo não funcionaria. Todas as organizações precisam de um funcionamento razoável das indústrias, sejam elas de qualquer tipo, para que o seu próprio funcionamento não seja comprometido.

Dessa forma, é necessário que as próprias organizações mantenham um certo equilíbrio. Cada uma delas, entre si, mantém suas próprias guerras, por mais que suas relações sejam boas. Com freqüência, objetivos se cruzam, e elas se vêem uma contra a outra, em busca de seus objetivos. Quando isso acontece, sempre há um aristocrata no meio.

Para as Organizações, a aristocracia representa uma fonte ilimitada de dinheiro e poder. Serviços realizados para eles dão muito dinheiro que financiará outras atividades, e favores dão poder social, que poderá ser convertido em necessidade no futuro.

A Aristocracia, porém, é podre no seu núcleo. Por mais que mascare suas intenções através de uma máscara de felicidade perante sua sociedade, a competição dentro dela é acirrada. Donos de grandes empresas tentam eliminar seus concorrentes, buscam matar seus inimigos e adquirir informações secretas, para que possam vencê-los. Sequestram seus entes queridos, e até mesmo os matam, única e exclusivamente para que possam centralizar um pouco mais do poder distribuído na alta-sociedade. Para fazer isso, porém, ele contam somente com as Organizações. As contratam e pedem que seus serviços sejam realizados, naturalmente... No mais completo sigilo. As máfias são chamada quando a eliminação de alguém é necessária, com preferência para La Famiglia, conhecida por ser a mais capaz nesse ramo. A Yakuza é muito responsabilizada por serviços de proteção de objetos de valor, ou pessoas, pela lealdade e cuidado pelos quais tem fama. Os ladrões de habilidade responsabilizam-se por roubos, e a Daily News fica com todas as informações, e as redistribui como a própria aristocracia deseja.

Nesse mundo, um mundo de intrigas e podridão, tudo é um grande ciclo, onde não existem pontas soltas, mas sim um fluxo ininterrupto de acontecimentos e informações.

Keitava
Herói
Herói

Masculino
Mensagens : 381
Localização : Hell Grande


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02 - As Organizações.

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 3:31 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum